E eu?

 

e euTalvez você seja a última pessoa da sua roda que ainda não tem alguém, ou que nunca namorou sério, ou que nunca parece acertar nenhum relacionamento. Eu acho que não existe nenhuma pessoa que nunca tenha se sentido não desejável. Alguns sentem isso por algumas semanas, outros por muitos anos, e outros já enterraram o sentimento no fundo do mar para nunca mais enfrentá-lo.

Não sou guru de relacionamentos, e nunca vou ser, mas depois de começar a filmar os videos “Simplifique” eu recebi tantos emails de pessoas que perguntavam: “e eu?”. Pra falar bem a verdade, eu não sei a resposta dessa pergunta, mas sei o que funcionou pra muitas pessoas (e para mim pessoalmente também). Já tinha feito essa pergunta inúmeras vezes, e vi que a pergunta deveria mudar de “E eu?” para “E o que eu to fazendo com isso? Conclui que alguns “passos” poderiam “destravar” um relacionamento em minha vida:

1. Goste do melhor em você.
Se você se sente indesejável, provavelmente você transmitirá um sentimento de baixa auto-confiança, assim causando insegurança ao próximo. Eu sei que a minha lista de defeitos é gigante, mas também tenho qualidades. As minhas qualidades antes de serem valorizadas pelos outros, devem ser valorizadas por mim mesma.

2. Mude o pior em você.
Se você odeia o seu cabelo, corte, faça progressiva, enrole, ou raspe a cabeça e compre uma peruca … haha! (um sonho que ainda vou realizar). Se você se sente sobrepeso, mude seu estilo de vida. Se você se sente ansioso, faça terapia e se conheça. Se você se sente inseguro, peça a ajuda para o Espírito Santo te curar e com muita força de vontade lute para ter fé. Se você não tem $$ suficiente, leia um livro de como ganhar mais $$, mas não esqueça de estudar e TRABALHAR – sempre funciona! J

3. Mude o foco.
Ser solteiro(a) não é o fim do mundo, muito menos te faz com menos valor. A “Igreja” sempre foca tanto em achar alguém que acaba esquecendo de que devemos nos achar em primeiro lugar como filhos de Deus, como pessoas de valor e satisfeitas. Foque em ser a pessoa ideal ao invés de tanto querer achar alguém. Quer alguém aventureiro, corajoso, amoroso, inteligente, estudado e de boa aparência? Que tal ser tudo isso antes?

4. Olhe para fora da sua panela.
Muitas vezes a pessoa está bem do seu lado e você está todo(a) desesperado achando que não existe ninguém que você conhece que combine com você. Talvez seja o vizinho, o quieto da outra roda, o amigo do amigo, etc.

5. Ame pessoas.
Quando amamos as pessoas, nos tornamos mais como Jesus – isso automaticamente nos faz mais atraentes e satisfeitos com nós mesmos. Pense no próximo, dê esmolas e comida aos necessitados, compartilhe amor, dê abraços, curta sua família e amigos, ame a natureza e animais.

O amor sempre nos encontra quando estamos amando outros. O amor vem quietinho e silencioso quando estamos focados em nos doar e não em receber. Ninguém gosta de gente carente, que vive querendo ter alguém – todos amam estar perto dos satisfeitos e felizes consigo mesmos. Talvez o amor aconteça aos 18 anos ou aos 47 anos, mas o foco nunca será no tempo mas sim no quanto que você viveu e soube amar. Bora amar?!

Z.L.

5 pensamentos sobre “E eu?

  1. Lindo Zoe!!! Isso mesmo!!! O amor nos conecta! Amando as pessoas e fazendo tudo com amor nós tornamos pessoas felizes e isso nos deixa extremamente atraentes! 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s